sexta-feira, novembro 18, 2011

#63 - Lemmy, de Greg Olliver e Wes Orshoski



Não há neste mundo ninguém que personifique de forma mais perfeita o rock'n'roll way of life. Lemmy é o cara! No documentário que leva o seu nome, o líder do Motörhead permite que a câmera perambule para cima e para baixo acompanhado seu dia a dia - seja no palco, tocando diante de multidões, seja em casa, em meio a sua coleção de artigos da Segunda Guerra Mundial.

O bacana do filme, por incrível que pareça, é que há pouca música e muita imagem. Por isso, o documentário funciona, acertadamente, muito mais como biografia do músico do que como mero registro da história da banda. Somente assim é possível conhecer melhor a figura singular de Lemmy, repleta de esquisitices e excentricidades.

Fãs de rock, mesmo que não sejam fãs de Motörhead - o que é improvável, quase impossível -, tem o dever cívico de conferir Lemmy.

Um comentário:

Anônimo disse...

Também gostei do filme, mas achei que faltou profundidade. Quando começavam a falar sobre a infância ou família do Lemmy, logo cortavam para alguém que dizia uma trivialidade do tipo "Lemmy é o cara!". Por isso não achei o documentário tão espetacular assim.