quinta-feira, março 24, 2011

#17 - Tuff Turf - O rebelde (Tuff Turf), de Fritz Kiersch


Taí um clássico da Look Vídeo! Anos 80, moda punk-aeróbica, sintetizadores e gangues de rua. Tuff Turf, um daqueles filmes que, segundo o SBT, era sempre exibido pela primeira vez na televisão, tem tudo isso. É uma espécie de Juventude transviada dos anos 80. No lugar de James Dean, James Spader, em um de seus primeiros longas para a tela grande.

O roteiro segue a receita de vários outros filmes: há uma loira que se disputa - e aqui a cacofonia é proposital, já que o comportamento da moça não é nada pudico - entre o chefe da gangue local e o destemido forasteiro recém-chegado à cidade. O rapaz apanha, mas não desiste de concretizar seu desejo. Até que dá para entender: no caso, a loira é interpretada por Kim Richards, com suas compridas madeixas frisadas que, de tão longas, chegavam às ancas. Deixou muitos adolescentes - como esse que lhes escreve - suspirando...

O grande barato em rever Tuff Turf agora, em pleno século 21, é perceber como tudo no filme ficou datado: o pôster, a trilha sonora, a cenografia, a montagem, os diálogos e, especialmente, o figurino. Por isso, é diversão certa aos saudosistas. Vale também para ver Robert Downey, até então sem o Jr., em começo de carreira.

Cada década tem um tipo de rebelde. O representante dos anos 80 é bem bacana!

7 comentários:

Kamila disse...

MEU DEUS!!!!!!!!!! Eu não acredito que tô lendo sobre esse filme aqui! Ninguém se lembrava mais de "Tuff Turf - O Rebelde", a não ser eu mesma e minha irmã mais velha, que assistíamos ao filme direto nas finadas sessões do Cinema em Casa do SBT! Que saudades desse tempo!!

Onde que você reviu esse filme, Dudu???

Beijos!!

Butterfly disse...

Tenho uma listinha de filmes dos anos 80 e 90 pra adquirir. Este já foi! adoro! Acho que, principalmente, por remeter a queridos tempos.

Anônimo disse...

Quem poderia se esquecer das cenas clássicas dos tiros nas baratas e o atropelamento da Caloi 10!

Maria disse...

estive com o dvd na mão 3 vezes pra comprar (no supermercado) e deixei pra depois.

segunda feira eu estava decidida.. aí não tinha mais =/

Surfista disse...

Na boa, sensacional! Acho que está ao lado de "Garotos Perdidos" e "Curtindo a Vida Adoidado" no quesito "referência aos anos 80". Os jovens "tranasados" usavam mullets, jaquetas de couro, brincos de cruz e outros ornamentos da época.

Ah, na versão nacional, James Spader é dublado pelo Chaves, digo, pelo mesmo dublador do Chaves - com direito à cantar na sequência do piano no clube chique.

Eva Cardoso disse...

Gostaria de assistir mesmo que fosse online ou comprar. Como consigo, pois também estou querendo ver A lenda Billy Jean. Saudades...

Rique Loneliness disse...

Pra quem quiser matar saudade, o filme está completo (com a dublagem horrível) no youtube nesse link: http://www.youtube.com/watch?v=93b6Pt2w-NA