terça-feira, agosto 17, 2010

#66 - Hell ride, de Larry Bishop


Produzido por ninguém menos que Quentin Tarantino, Hell ride é uma espécie de homenagem aos filmes de motoqueiros. Não é à toa que há milhares de referências ao clássico maior dos road movies sobre duas rodas, Easy Rider - inclusive, com a presença do saudoso Dennis Hopper no elenco, pilotando sua própria motocicleta. Outros excelentes atores completam o elenco, como Michael Madsen e David Carridine. Larry Bishop, que interpreta o protagonista da trama, assina a direção e o roteiro. Ou seja, está todo mundo em casa: a maioria da equipe já trabalhou junta anteriormente.

Apesar da violência fácil, o roteiro é um pouco complexo, o que pode afastar uma boa parcela do público. Conta a história de um grupo de motoqueiros que ainda busca por vingança anos após o brutal assassinato de uma bela jovem de origem indígena. Aos poucos, o espectador vai entendendo o que se passou, em uma narrativa atemporal e pouco linear que por vezes se torna confusa. Porém, o que vale mesmo é o deleite estético proporcionado pelo filme, de uma competência técnica realmente espantosa.

As sequências de ação são bem enquadradas, a edição é ligeira, a trilha sonora colabora com o clima e as atuações convencem. Hell ride funciona como um resgate a um tipo de cinema que era puro entretenimento, mas sem apelações comerciais. Prova disso é o fato do filme ter sido lançado primeiro em DVD.

Azar o nosso, cinéfilos.

3 comentários:

Kamila disse...

Azar mesmo, nosso! Tantos filme legais que nunca são lançados diretamente no cinema e tantas porcarias que chegam, de fato, aos nossos cinemas. Qual seria o critério??

Beijos!

Vulgo Dudu disse...

Kamila, é um corte comercial. A cultura tratada do ponto de vista mercadológico. Nessas horas, só a banda larga salva!

Bjs!

Zeezo disse...

Hell Ride está passando este mês no Telecine Premium. Com a estética e trilha sonora tarantinesca, é uma grande homenagem aos filmes de bikes dos anos 60/70 e faroestes dos anos 50/60. Cenas de arrepiar! Superindicado!