quinta-feira, março 18, 2010

#22 - A banda (Bikur Ha-Tizmoret), de Eran Kolirin


Há certos filmes que sabem tocar de forma mais lírica e menos panfletária na espinhosa questão da convivência entre árabes e judeus. A banda, decididamente, é uma dessas produções que coloca a arte cinematográfica a serviço de uma reflexão mais profunda e menos radical.

O roteiro conta a história de uma banda egípcia que chega à Israel para uma apresentação em um centro de cultura árabe. Porém, a dificuldade de comunicação acaba levando os músicos, membros da academia de polícia da cidade de Alexandria, para um humilde povoado no meio do deserto. Sem dinheiro, comida ou lugar para ficar, passam a depender da soliedariedade dos judeus locais.

Eran Kolirin dirige seu filme com bastante sensibilidade. Com um bom elenco, consegue montar sequências bastante interessantes, que vão do lirismo à comédia com extrema naturalidade. No fim das contas, a tal mensagem de paz e boa convivência que o argumento propõe é assimilada com muito mais facilidade pelo espectador.

2 comentários:

Mescla de culturas disse...

Pra mim esse olhar sensível é uma das coisas que fazem do cinema algo mágico! Filmes precisam fazer refletir...

Vulgo Dudu disse...

Bruno, concordo em gênero, número e grau!

Abs!