segunda-feira, abril 28, 2008

#34 - Supervixens, de Russ Meyer


Mais um título de um dos meus diretores prediletos, papa do exploitation, o cara que fazia nossos pais felizes no cinema: Russ Meyer! Como não podia ser diferente, Supervixens está recheado de mulheres, aliás, super mulheres, com peitos enormes, muita violência, trilha sonora caprichada e aquela extraordinária direção.

O filme conta uma história que beira o surrealismo. Clint Ramsey é um sujeito bem dotado que precisa fugir de sua pequena cidade quando é acusado da morte de sua mulher, SuperAngel. Ele pega a estrada e passa a ser assediado por tudo quanto é tipo de mulher, todas elas poderosas, como atestam as alcunhas: SuperCherry, SuperSoul, SuperLorna e por aí vai.

O que torna o filme diferente é o capricho estético de Meyer. Não se trata de pornografia, de jeito nenhum, apesar do desfile de peitos e das incontáveis cenas de coito. Os enquadramentos são sensacionais, verdadeiros trabalhos artísticos, extremamente bem pensados e planejados. Prova da maturidade e do talento do diretor que, na minha opinião, estava anos-luz à frente dos outros realizadores do gênero em seu tempo.

Em breve, mais resenhas sobre as produções de Russ Meyer.

6 comentários:

Kamila disse...

Dudu, confesso que estou me divertindo com essas resenhas que você tem feito sobre os filmes exploitation.

Surfista disse...

Dudu, sua mulher está ciente dos filmes salientes que você tem visto???
rs.

Wiliam Domingos disse...

caramba...
já adorei os nomes das mulheres!
sahuashuash
SuperCherry, SuperSoul, SuperLorna

Preciso conhecer esse universo cinematográfico, ótima dica!
abraço

Vulgo Dudu disse...

Kamila, o post só fica divertido porque o gênero também é. Eu recomendo Russ Meyer, é diversão na certa!

Dougra, a patroa não só sabe, como também curte alguns desses títulos! É um cinema bem diferente do que se vê por aí...

William, Russ Meyer é o cara! Recomendo começar por Faster, pussycat! Kill! Kill!.

Bjs e abs!

Louis Alien disse...

hmm boa sugestão
vou ver se consigo arrumar esse aí pra dar uma assistida ( e copiada, óbvio)

sou amigo do rodrigo, ele me reciomendou o site e eu curti.

Vulgo Dudu disse...

Louis, amigo do Rodrigo é amigo meu. Seja bem-vindo por aqui.

E te digo: pode catar tudo do Russ Meyer, que o cara é bom.

Abs!